O Ônibus Eletrônico da Choque?

Em Porto Alegre utilizei o bonde, e não o ônibus elétrico…
… mas confesso que não levei choque,
nem soube de alguém que o tenha levado…

Saibam que durante 60 anos,
aqui na capital do Rio Grande do Sul,
o bonde elétrico reinou supremo sob o domínio intitulado
“rei do pedaço urbano”…

…por isso quando o “reencontro” na lembrança (como agora),
sinto um cheiro de “nostalgia”,
que mistura mágica e também saudades.

continue lendo →

BIG BROTHER também na VIA PÚBLICA?

bigbrother-via-publicaNo cotidiano, somos supervisionados através de controladores eletrônicos de velocidade, das mais diversas formas…

O motivo?
– Ainda precisamos ser vigiados.
(Triste)

O objetivo é diminuir o número de imprudências, (O inimigo do nosso inimigo) dos condutores, nas capitais brasileiras.

Para isso, a fiscalização dispõe de um arsenal de aparatos modernos…

Existem aqueles que ficam escondidos – os ditos CAETANOS.
Instalados junto às sinaleiras – operando 24 horas por dia – fotografam os veículos que cruzam um sinal vermelho ou invadem a faixa de segurança, e também os que cruzam uma sinaleira em excesso de velocidade.

Mas na modalidade “escondidos” também podem estar os “famigerados” PARDAIS.
Equipamentos instalados em postes, que fotografam e registram a velocidade dos veículos em excesso de velocidade.

E os que estão bem visíveis – pelo menos deveriam. São as LOMBADAS ELETRÔNICAS. Geralmente instalados em áreas urbanas, mostram velocidade de cada veículo. Se estiver em excesso, fotografam e registram.

continue lendo →